Colunas: A reação em forma de preguiça, por Andrade Neto.

agosto 2, 2015 | ANDRADE NETO, COLUNAS

É amigos, certamente o nosso treinador Geninho vem conseguindo tirar leite de pedra, e realizar um excelente trabalho com o fraco elenco colocado em suas mãos. Porém o que assistimos esse ano da diretoria executiva do Ceará é um poder de reação parecida com a do time em campo quando toma um gol. A reação de um bicho preguiça.

 

Não é admissível estarmos na 16 rodada do campeonato brasileiro, e termos como opção para a lateral direita Buiú e Ronieri. É inadmissível termos o time de menor média de altura da série B, e assistirmos todos os times explorarem os “Anões de Porangabuçu”, e mesmo assim a diretoria não procurar resolver o problema da média de altura do time. Não se admite no meio do campeonato termos como atacantes, para resolver problemas de gol do time Rafael Costa, Rodrigo Silva e Muller Fernandes.

 

A cada goleada, e a cada vexame, uma nova reunião com o treinador, como uma instituição pública governamental, onde se tem muita reunião e pouca ação, e mais uma vez as mesmas notícias aparecem: Ceará vai a procura de reforços! Geninho pede 5 jogadores. Aliás essas notícias já cansamos de ouvir há mais de 1 mês, e por incrível que pareça, nesse tempo todo, só chegou para o Ceará o jogador Bernardo como contratação.

 

A pergunta que não quer calar é: querem resolver o problema do clube? Ou querem somente encobrir o problema, com macumbeiros, e milagreiros (Geninho). Infelizmente o torcedor cansou de esperar, agora aguardamos providência, e para ontem, aliás, chega de “lero-lero”, chega de “conversa fiada”, chega de “estamos trabalhando”, queremos os 5 jogadores que o treinador pediu, e qualidade. Cofre cheio de dinheiro só serve para economista, para o torcedor, ele precisa de um time de vergonha, e que honre essa camisa em campo.

 

Andrade Neto

Tags: