Colunas: Está na hora de querer subir, ou ficar mesmo na B?

julho 11, 2017 | -, ANDRADE NETO, COLUNAS

Depois do vareio de bola tomado pelo Internacional de Porto Alegre, está na hora da diretoria do Ceará pensar primeiramente em reforços, principalmente se ainda sonha com acesso. Esses deveriam vir nas posições de lateral direito e atacantes, onde percebe-se a fraqueza defensiva do Ceará, e a falta de poderio ofensivo. Também, em conjunto com essas contratações, está na hora da diretoria intervir na escalação de um senhor de 42 anos de idade, que há 15 jogos anda em campo, e somente toca de lado ou para trás. Está na hora de ou a diretoria intervir no treinador para tirar o senhor Master do time, ou do contrário, pode dar adeus a mais um ano. Acabou a paciência  da torcida do Ceara para com esse senhor, que apesar de todas as suas benfeitorias feitas pelo clube, chega num momento de litigio por uma titularidade absurda.

 

Sem muita conversa, esse 2 a 0 serve para: ou acordar para o acesso, e contratar, ou tirar os “reis do Ceará” do reinado, ou as duas coisas, do contrário continuamos como estamos, e vamos no maximo, manter mais uma série B rumo a 2018. Resta ao presidente Robinson de Castro saber: se será realmente um presidente, interferindo sim na escalação do atual “dono do Ceará”, e contratando jogadores necessários, ou se ficará vendo a banda passar, como ano passado. Esperamos soluções para hoje, não para amanhã, pois já foi 1/3 da competição, e o time ainda não foi montado, nem muito menos ajeitado, e o treinador, que tinha moral para ajustar o time foi mandado embora, o tal do Givanildo, o único com coragem para tirar Magno Alves do time. Esperamos mudanças para uma melhoria da equipe, porque como estamos jogando já deu.

 

Andrade Neto

Tags: