Olho aberto

março 27, 2012 | COLUNAS, RANIERI BARRETO

Após o jogo, dirigentes do rival quebraram cadeiras sociais, arrombaram os armários do vestiário deles e quebraram a porta de acesso ao campo, seguido disto, a torcida deles proporcionou atos de vandalismo e destruição no PV antes, durante e depois do jogo.

arquivo

 

Agora eu simplesmente ponho em questão: se fosse algum dirigente alvinegro quebrando o PV, o sr. procurador Marcelo Desidério faria algo? Se fosse a Cearamor a quebrar cadeiras e brigar dentro do PV, o sr. procurador faria algo? Sim, faria. Pediria a pena máxima por danos ao patrimônio público e suspensão de mando de campo do Ceará, mas, como quem fez isso foi o rival, nada irá acontecer.

 

Alvinegros, é preciso ficar de olho. Não podemos vacilar. Qualquer passo em falso será percursor de uma tempestade movida pela trupe Carmélio, Desidério e Baquit para desestabilizar o Ceará e tentar tirar o título que será nosso a força.

 

Time ganha jogo, diretoria campeonato. Olho nessa gangue FCF, TJD-CE e rival, Evandro! Olho neles!

 

 

Ranieri Mena Barreto

Coluna Preto no Branco

Equipe Vozão.com

Em Prol do Grande Ceará

Tags: