Erros, erros e erros – Por: Carlos Henrique

julho 21, 2013 | -, COLUNAS

Mais uma derrota, amigos, mais uma derrota. Desta vez, o Ceará não entrou em campo e a tão sonhada arrancada vai ficar pra próxima rodada. Nesta partida diante do Bragantino foi possível notar que o vovô não entrou em campo. Mas quando eu digo não entrar em campo, foi não entrar em campo MESMO.

A defesa, no primeiro tempo, estava completamente aberta, dando toda e qualquer liberdade para os atletas do time de Bragança Paulista chegarem no momento em que quisessem. Tanto é que no comecinho da primeira etapa saiu o primeiro gol da partida, num BURACO enorme que tinha na parte defensiva, entre Anderson Maques e Douglas.

Se não bastasse a defesa deixando o adversário jogar, o ataque não definia as jogadas, não marcava, não conseguia concluir as jogadas. Exemplo disso, foi a troca, ainda no primeiro tempo, de Eusébio por Adriano Pardal. Com isso, Sérgio Guedes buscava uma maior ofensividade na equipe. Para não dizer que não houve nenhuma chance de perigo do alvinegro no primeiro tempo, no finalzinho, Rogerinho faz uma bonita jogada pela direita e cruza baixo dentro da área, o próprio Adriano Pardal “fura” do outro lado e perde a chance de igualar o placar.

A falta que Mota faz

Notou-se, claramente, que o ataque alvinegro não conseguiu concluir. Magno Alves, que estava ao lado de Rychely e Pardal, era desarmado toda vez que se aproximava do gol. Mota, há vários dias com um edema ósseo no pé, desfalca a equipe que precisa de um jogador que decida. Assim, o torcedor alvinegro, bem como a equipe,  sente a falta de Mota.

Contudo, é importante que o alvinegro de Porangabuçú volte a vencer, mas não só vencer, como também convencer a torcida de que o Ceará é um time grande, um time de massa, que tem uma das maiores torcidas do nordeste e, se continuar do jeito que está, a Série C pode ser um pesadelo que a equipe irá lutar contra durante o campeonato.

 

Saudações alvinegras,

 

Carlos Henrique(@11kayque)

Equipe Vozão.com

Em prol do Grande Ceará.

Tags: , , , ,