Diogo Orlando é dúvida para enfrentar o Paraná; Mota e Hamilton seguem de fora

julho 23, 2013 | -, DEPARTAMENTOS, DIA-A-DIA, JOGO, NOTICIAS

Diogo Orlando passa bem após a execução de exames.

Se dentro de campo a fase não é nada boa, fora dele as dificuldades continuam. Buscando a primeira vitória fora de casa na Série B, o Ceará volta a campo no próximo sábado para enfrentar o Paraná, e para tal embate seguirá sem poder contar com o volante Hamilton, e também com Mota, que não joga com a camisa alvinegra desde o dia 11 de junho, no confronto diante o Figueirense. Afora isso, o técnico Sérgio Guedes convive com a dúvida de escalar ou não Diogo Orlando, que se recupera de um trauma na cabeça.

Hamilton, que já havia sido baixa na equipe no último jogo frente ao Bragantino, por conta de dores no tendão de Aquiles, segue em processo de recuperação acelerada, mas sua ausência na partida diante o Paraná já foi confirmada pelo DM do Vovô.

“O Hamilton já apresenta 50% de melhoras, mas ele ainda apresenta um foco de dor no tendão. Vamos ver como ele reage ao tratamento nas próximas 48 horas, mas ele seguirá em observação”, declarou o médico Gustavo Pires.

Quanto a Diogo Orlando, que deixou o jogo do último final de semana em decorrência de uma forte pancada na cabeça, o atleta realizou exames ainda em Bragança Paulista por onde nenhuma lesão grave foi constatada na região. Passando bem e não sofrendo com as dores, o volante ficará em observação nos próximos dias, mas, por precaução, sua presença no confronto diante o Paraná ainda é uma incógnita.

“O Diogo está bem, os exames neurológicos dele deu todos os resultados normais, o jogador seguirá em observação nos próximos dias, e veremos como ele reage até lá. Afora isso o jogador sentiu dores no joelho, e vamos fazer um exame ainda hoje”, alegou o médico.

Para finalizar os assuntos referentes ao DM, Gustavo Pires explicou a atual situação de Mota, e se mostrou bastante confiante na total recuperação do atacante ainda nessa semana, afirmando que o jogador irá passar por sua última ressonância na próxima sexta-feira, 26, deixando claro que se tudo acontecer por dentro dos conformes o atleta já será liberado para iniciar a fase de transição.

“Esperamos que ele volte na próxima semana. Ele já cumpriu praticamente seis semanas de tratamento, sexta-feira agora vamos fazer sua última ressonância, e se tudo ocorrer dentro do programado, ele já será liberado para fase de transição. Nessa semana ele já treinou a parte aeróbica, já prevendo que ele será liberado na sexta-feira”, concluiu Gustavo.

 

Gabriel Lobo (@gabriellobo10)

Equipe Vozao.com

 

Tags: , , , , , , , ,